23 de abril de 2011

Guerras


As saudades matam tudo o que a Mulher se digna a construir. Levam o ser feminino a uma guerra que apenas acaba quando a deixa consumida por cicatrizes. Cicatrizes que nem todas sabem curar.

17 comentários:

ana moura disse...

concordo com tudo, luisinha.
ah, antes que me esqueça..a música é um mimo**

incógnita disse...

as saudades são mesmo difíceis de suportar..

ana moura disse...

obrigada :)

Mafalda disse...

Nem mais! Perfeito*

carina, disse...

gostei muito :)

carina, disse...

de nada! :)

ines disse...

tão sentido, e tão verdade

Maria Filipa disse...

totalmente verdadeiro pequena <3

mariana capante. disse...

de nada (:

cátia lima disse...

luisinha. ao tempo. adoro tanto o teu blog!

a catraia disse...

é nestas alturas que o amor ou uma boa amizade parece um furacão.

hayley bellamy disse...

adoro o blog

Simone disse...

é da zara e custou 29,99. :)

matilde valentim disse...

acho q concordo ctg.. mas o ser masculino n tem cicatrizes tambem, tal como nós?

joaninha' disse...

cicatrizes que nos acompanham por uma vida!

joana disse...

descansei mesmo* disseste tudo nessas frases,completamente e adorei a fotografia.

Beatriz Araújo disse...

injustiças não se medem aos palmos