23 de junho de 2011

Talvez

talvez a verdade esteja naquilo que deixamos por dizer. naquelas palavras que sempre fizeram mais sentido apenas para nós - ditas para nós. talvez todos precisemos de um lugar que nos lembre de sermos felizes. talvez todos sejamos feitos do sitio onde nos sentimos bem, quentes, aconchegados.. quem sabe, onde nos sentimos pertences de alguém - mas não pertences no sentido de objecto e de ser-se possuidor de algo. não. talvez seja mais que isso. talvez o destino dê voltas e voltas e obriga-nos a tropeçar no nosso próprio passo, louco, apressado e sem destino- talvez o destino seja o sitio onde estamos. talvez não precisemos de nos mudar. talvez a felicidade esteja do outro lado da rua nas mãos de quem menos esperamos. talvez o primeiro passo seja apaixonarmo-nos com os olhos.. com um olhar de ver de coração. um ver sem maldade, sem hipocrisia, sem ares maléficos. talvez a verdade esteja num dia com grandes momentos. talvez a saudade seja um passo tão próximo e nós fazemos viagens de horas a fio a procurar algo que nunca chega a ser real. porque talvez as coisas não precisam de ser completamente reais. talvez a verdade esteja em mim. talvez a verdade esteja em nós.

23 comentários:

Anita disse...

Adorei, a serio está just perfect :)

joana disse...

tudo o que sai de ti é uma inspiração. só te digo isto.

Rita J. disse...

gosto!

ines disse...

talvez a verdade esteja em tudo o que queremos ver

han yongkyo disse...

eu amei! nem sei bem como expressar o belo deste texto! conseguiste transmitir as coisas de forma tão simples mas, ao mesmo tempo, com tanto impacto!

incógnita disse...

talvez esteja quase tudo em nós..mas quase nunca chega. precisamos sempre do outro alguém.

ana minhalma disse...

adoro o que escreves!

Maria Filipa disse...

mais uma delicia pequena *

carina, disse...

oh, adorei

Simone disse...

foi a minha avó que os fez. :)

Catarina disse...

Talvez querida, mas nem sempre a verdade vem acompanhada da certeza.

joana disse...

foi,bastante!

carina, disse...

ora essa ((:

ana minhalma disse...

eu é que agradeço. fico feliz por gostares :)

mary jane disse...

adoro realmente

Maria disse...

Ohh Luisinha, não sei como és capaz de dizer isso quando és tu tão dona das palavras.

ana moura disse...

inspiras-me!

mary jane disse...

claro :)

Maria disse...

Vens sempre nas alturas em que estou mais a vacilar e preciso mais desses aconchegos que são tão teus. E sem notar apercebo-me que és dos melhores corações que conheço.

Catarina disse...

Exacto, mas aí entras na maior confusão que podes imaginar (assim ficas com ela parecida à minha). Mas por vezes temos que olhar um pouquinho para o coração, pode ser que tenha mais respostas que a razão (:

laura disse...

obrigada :D

Mafalda disse...

Talvez a verdade seja feita por cada um de nós, talvez seja feita na medida do que queremos para nós. E parabéns por mais um texto fantástico:)

Beatriz Araújo disse...

esquece...acabei de escrever um texto parecido antes de ver este. hummmm, ja sabia que eramos irmãs.