13 de outubro de 2012

já que é fim-de-semana, que seja bom

Nestes dias que não se percebe muito bem o tempo que faz lá fora, o sofá é sempre opção. E seria na mesma, caso soubesse o tempo que fizesse lá fora. Porque há dias e dias... e apesar de não ter a obrigação de ser feliz em todos, não devo desperdiçar o tempo com sorrisos mascarados, e olhares enganados. Mas existe sempre esse momento. Ou porque chego a casa e não me apetece voltar, ou porque volto e não me apetece ficar (o que não é a mesma coisa que a anterior) mas há sempre ponta de mim que cede a isto... à fraqueza. Fico feliz pela minha fraqueza não atenuar com álcool e tabaco, mas sim com chocolate ou com amor ou a escrever cartas para a Madu. Mas são opções... e as minhas hão-de ser sempre só minhas, eu no meu sofá, no meu vagar e nesta calma que os quase 19 e os fim-de-semana ainda me permitem. E amanhã, Domingo! Já escrevi cá sobre os domingos e sobre como eles são enfadonhos. Só ainda não tinha escrito como aprendi a não os detestar. Tenho vindo a aprender já lá vão dois anos. Pois é. O tempo passa tão depressa. Não sei quem vai ler este pedaço da minha cor de amor, mas quem ler vai perceber que estou a fazer aquilo que não costumo: dar de mim. Melhor, eu dou de mim nas palavras e nos carinhos que retribuo... Mas nunca dou muito de mim, da minha realidade. E este cantinho já foi menina, e parou na minha cor de amor, ainda assim acredito que haja quem se lembre de ambas e quem também nunca tenha visto um sorriso meu. Aqui fica um pedaço que mostra muito de mim, para todos os sobreviventes que continuam a visitar-me. Eu simples,eu sorridente, eu brinco na orelha e sorriso na boca

6 comentários:

joana disse...

e o meu fim de semana fica sempre mais quentinho quando apareces. um viva a ti e ao teu sorriso na boca <3

Abbie disse...

como és linda emmeline, ou luisinha, como queiras. és sempre linda.

♥ marta. disse...

vá lá, escreve mais, porque quando cheguei ao fim, só queria que fosse o começo! e és tão bonita :))

claire disse...

que bom ler este pedaçinho de ti,muito mais teu.és linda no coração e nas palavras

Leandra Cunha disse...

Tu, Princesa, "brinco na orelha e sorriso na boca" :)

Cláudia Ribeiro * disse...

Gostei do blog, sigo.